sexta-feira, 18 de março de 2011

1'º Congresso dos Trabalhadores Rurais do Paraná

A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Paraná (Fetaep), presidida por Ademir Mueller (foto) termina nesta sexta-feira, 18, o seu 1º Congresso estadual.

Cerca de 250 delegados, eleitos em assembleias realizadas em suas dez  regionais, vão debater a conjunta política e econômica do estado do Paraná, definir um plano de ação e, pela primeira vez em congresso, eleger a nova diretoria.

A Fetaep representa os assalariados agrícolas e os agricultores familiares paranaenses, congregando 302 sindicatos das dez microrregiões sindicais do estado. A agricultura familair representa 87% das propriedades rurais do estado e gera 48% da renda agropecuária paranaense, ocupando apenas 41% das áreas cultivadas.

Filiada à CTB, a Fetaep tem em sua base 1,1 milhão de pessoas. Desse total, 234 mil são assalariados agrícolas. Segundo o Dieese, 60% deles não tem carteira assinada e o salário total desse contigente tem custo equivalente a 3% do total da soja produzida no estado.

O Paraná produz principalmente cana, soja, milho, mandioca, trigo, feijão, batata inglesa, arroz e café. A consigna do I Congresso da Fetaep é "Repensar a prática sindical e avançar nas ações por um Paraná desenvolvido e sustentável".

Na quinta-feira, representamos a CTB na abertura do congresso, no qual também compareceram representantes dos governos federal, estadual e de Cuiritiba, além do presidente da Contag, Alberto Broch, e o presidente da Federação de Santa Catarina (Fetaesc), Hilário Gottselig.

Um comentário:

  1. Viva o trabalhador rural brsileiro!
    Viva o agricultor!
    esteio do Brasil.

    ResponderExcluir